Quinta-feira, 4 de Março de 2010

Planta de Chaves

 

Pormenor de uma planta da vila de Chaves, datável da primeira década do século XX. Uma legenda a tinta indica que sua a escala é de 1:5.000, mas uma nota posterior, interrogada e a lápis, indica 1:5.700.

 

Entre os diversos pontos que se podem destacar no aspecto urbanístico, notem-se as casas adossadas ao Forte de S. Francisco, o cemitério no exterior das suas muralhas, junto ao actual Bairro Aliança, a inexistência da Avenida dos  Aliados, o edifício que rematava o actual Jardim do Bacalhau, o, então, novo cemitério, o prédio Annibal S. Silva, concluído em 1903, nas Portas do Anjo, a inexistência do actual traçado da Rua 1.º de Dezembro, a inexistência da maioria dos edifícios que hoje delimitam o Largo das Freiras, o Rivelas [sic] no seu leito original, o traçado das duas Estradas de Braga, a extensa quinta da Feliciana, delimitada pela nova Estrada de Braga e pelas margens direitas do Tâmega e do Rivelas, o edifício do Açougue no Tabolado, os edifícios no actual espaço do Palácio da Justiça, a mancha correspondente aos edifícios com arcos da actual Praça da República e da Rua Direita, e o espaço correspondente ao actual Jardim Público.

 

Quanto à toponímia, notem-se as designações da Rua do Correio Velho, Rua Nova, e da Rua do Olival, Rua 1.º Duque de Bragança.

 

publicado por blogdaruanove às 00:25
link do post | comentar | favorito

.Novembro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


.Lumbudus

blog-logo

.posts recentes

. De “Almanaque de Chaves” ...

. A 2.ª publicação do “Alma...

. O Almanaque de “O Comérci...

. O Almanaque de Chaves, de...

. Tratado de Limites de Lis...

. Tratado de Limites de Lis...

. Pelos 125 anos da Associa...

. Pelos 125 anos da Associa...

. Pelos 125 anos da Associa...

. Alberto Alves

.arquivos

. Novembro 2017

. Maio 2017

. Abril 2016

. Janeiro 2016

. Abril 2015

. Fevereiro 2015

. Outubro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Outubro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Janeiro 2013

. Setembro 2012

. Maio 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

.tags

. todas as tags

.Links

.Crative Commons

Creative Commons License
Este Blogue e o seu conteúdo estão licenciados sob uma Licença Creative Commons.

.olhares desde 29-01-07

.Olhares on-line

online

.pesquisar

 
blogs SAPO

.subscrever feeds